últimas notícias








Notícias

1 02/07/2020 06:00

A profissão não é fácil, os turnos de serviço podem passar das 12 horas seguidas, a depender da situação. Apagar incêndios, realizar resgates (em altura, meio líquido, matas fechadas, etc...), desencarcerar vítimas presas em ferragens e retirar pessoas de estruturas colapsadas ou soterradas são apenas algumas das funções dos bombeiros militares. Neste dia 2 de julho - Dia do Bombeiro Militar- não vão ter comemorações, o momento é delicado em meio à pandemia da Covid-19, mas tem a gratidão de estarem servindo e ajudando ainda mais a população.

"Heróis" sem capa, eles atuam diuturnamente salvaguardando as vidas alheias e bens materiais dos cidadãos. Mas a profissão não é fácil. No mínimo nove meses de treinamentos exaustivos antes da tão sonhada formatura de bombeiro militar. E depois de conquistar a primeira patente, a rotina de treinamentos se torna ainda mais frequente, fazendo parte do cotidiano de cada um dos bombeiros, independentemente da patente, afinal de contas, eles precisam estar à postos e extremamente capacitados para atenderem as mais variadas ocorrências.

Os turnos, geralmente de 24 horas, podem ser bem maiores, a depender da ocorrência. "Nunca sabemos como vai ser aquele serviço. Se sairmos para atender uma ocorrência, não podemos deixá-la até outra guarnição chegar, mesmo tendo concluído nosso turno de trabalho e, se precisarem de apoio, continuamos ali, afinal de contas, a nossa prioridade naquele momento são aqueles cidadãos que estão precisando do nosso auxílio", disse o subtenente BM Evilásio Limoeiro.

Quem são os bombeiros militares - por trás daquelas roupas pesadas, botas e capacetes desconfortáveis, mas extremamente necessários, existem pais, mães, avós e avôs, tios, tias, enfim... existem pessoas, que vibram a cada ocorrência bem sucedida, que se doam ao máximo em cada serviço e que choram a cada situação impossível de ser contornada, mesmo com toda dedicação, treinamento e precisão.

 

2 de julho é o dia do Bombeiro Militar. Dia em que esses homens e mulheres reafirmam as escolhas que fizeram, em servir ao próximo, em se doar, muitas vezes sacrificando as suas próprias vidas.

Rua Tiradentes, 30 – 4-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 - A Força da Comunicação.
© 2010 - RBR Notícias - Todos os direitos reservados.