últimas notícias








Notícias

1 18/09/2019 09:54

Cristina Pita

A manhã do dia 17 de setembro certamente ficará gravada na memória das pessoas que estavam dentro de uma Van, que faz transporte alternativo, entre Nazaré e Santo Antônio de Jesus. Sem cobrador para abrir e fechar a porta para os passageiros, o motorista, em dado momento, largou a direção do veículo que saiu da pista desgovernado e caiu em uma ribanceira. Alguns passageiros, desesperados, se jogaram do veículo em movimento. O incidente aconteceu no trecho da BR-101, que fica próximo ao trevo de acesso ao município de Conceição do Almeida. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e fez o resgate das vítimas. Ninguém morreu.

Os passageiros da Van tiveram ferimentos leves, mas os momentos de tensão e desespero não serão esquecidos. Em entrevista na Rádio Andaiá FM 97.1, na manhã de hoje, quarta (18/9), uma das passageiras de prenome Roseli relatou o que ela e as demais pessoas que estavam na Van passaram. "Não tinha cobrador e o motorista precisava descer a todo momento para poder abrir a porta para os passageiros, isso causou o acidente. O motorista saiu do veículo e se esqueceu de puxar o freio-de-mão, fazendo com que a kombi andasse sem motorista e em alta velocidade", contou.

De acordo com Roseli, ela ia para Conceição do Almeida e buscou o serviço de transporte alternativo. "Entrei em uma van e em um determinado local, o motorista parou o veículo para pegar uma mulher que estava com um bebê. Ao entrar a moça não conseguiu fechar a porta porque não tinha cobrador. O motorista levantou para fechar e nesse momento o veículo começou a andar. Eu gritei do fundo: 'gente a kombi está andando'. O motorista mandou uma moça frear, mas ela não conseguiu. A partir daí as pessoas que estavam perto da porta começaram a se jogar, inclusive uma moça com um bebê", narrou.

Roseli disse que estava sentada no banco do fundo do veículo e foi impedida de sair do carro em movimento. "Infelizmente eu estava no fundo com uma moça e um senhor, que estava com ferramentas de trabalho, foice e facão. Nós ficamos presas porque ficamos impedidas de descer, porque esse senhor estava com as ferramentas e não conseguiu descer também, impedindo que a gente saísse. A Van foi descendo com velocidade total e totalmente desgovernada, sem ninguém dirigindo. A Van caiu dentro de um buraco de sete metros de profundidade, mais ou menos. Graças a Deus na hora que caiu, foi amortecido, porque era tipo um brejo e estava cheio de galhos retorcidos", relatou.

Roseli disse que por conta do acidente, a porta da Van foi arrancada, mas ela e uma outra passageira conseguiram sair, depois que o veículo parou. "A porta tinha sido arrancada. Eu pisei em cima e fui saindo juntamente com a mulher e o senhor. Graças a Deus as ferramentas não feriram ninguém. Eu comecei a gritar", contou.

Roseli relatou que pessoas que estavam na rodovia ouviram os gritos de socorro. Um rapaz e um garoto desceram para socorrer as vítimas. "Fizeram um cordão humano e começamos a subir. Graças a Deus, nós que caímos com a Van só estamos doloridos. Fiquei com o meu tornozelo dolorido e a moça ficou com um braço dolorido. A maioria das pessoas que se jogaram ficaram arranhadas e muito machucadas. Pegamos outra Topic, que nos levou até o Hospital de Conceição do Almeida. Graças a Deus estamos bem, mas foi feio. Espero nunca mais passar por isso", espera.

Segundo Roseli, os usuários de transporte alternativo devem reivindicar que os veículos possuam o cobrador, evitando acidentes desse tipo. "Espero que o próximo veículo tenha cobrador. Esse acidente aconteceu porque o motorista tinha que ficar saindo e entrando toda hora. Vamos fiscalizar mais. Temos que lembrar que estamos lidando com seres humanos, precisamos de mais cuidado. Nós não somos uma mercadoria que estamos pagando e dando lucros. Temos família, filhos, sonhos e queremos viver esses sonhos”, ressaltou.

 

Rua Tiradentes, 30 – 4-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 - A Força da Comunicação.
© 2010 - RBR Notícias - Todos os direitos reservados.