Esportes

1 10/10/2018 07:10

Dois dos maiores vencedores do país começam a decidir, nesta quarta-feira (10) o campeão da Copa do Brasil 2018. No Mineirão, em Belo Horizonte, Cruzeiro e Corinthians entram em campo às 21h45, no jogo de ida da final do torneio. A partida de volta será dia 17, no Itaquerão, em São Paulo.

Atual campeão, o Cruzeiro é também dono de cinco títulos da Copa do Brasil e se isolará como o maior vencedor da competição caso leve a melhor sobre o time paulista. O Grêmio também é penta.

Para conseguir a façanha, o time mineiro aposta nas defesas do experiente Fábio. Aos 38 anos, ele já venceu a Copa do Brasil em duas oportunidades (2000 e 2017) e aposta no equilíbrio mental para conseguir um bom resultado em casa.

“No meu ponto de vista, as duas equipes, pela grandeza, pela tradição vencedora, zeram tudo o que foi feito antes e são dois jogos nos quais têm de mostrar o melhor futebol. Quem tiver o melhor equilíbrio, fluir de uma forma mais equilibrada, com certeza vai conquistar o título”, disse o goleiro. 

Pelo lado corintiano, a conquista da quarta taça da Copa do Brasil é encarada como a salvação da temporada. Com uma campanha ruim no Brasileirão e a eliminação na Libertadores, o título surge também como possibilidade de voltar a disputar o principal torneio internacional em 2019 e, de quebra, aliviar as finanças. O prêmio total para o vencedor é de R$ 50 milhões. O vice-campeão já garantiu R$ 20 milhões.

“Na decisão, quem errar menos tem mais chances de sair vitorioso. São duas equipes de camisas, com grandes títulos, histórias. Quanto menos erros você tiver, mais efetivo for, maior a chance de ser campeão”, disse o goleiro Cássio, que busca o seu primeiro título da competição.

Enquanto os jogadores projetam um duelo bastante equilibrado, Mano Menezes vai precisar contornar um problema. Uma das estrelas do Cruzeiro, o meia De Arrascaeta não foi liberado dos compromissos da seleção uruguaia na Ásia e não estará em campo hoje. A expectativa é que o escolhido para substituir o meia saia da disputa entre o meia Rafinha e o atacante Rafael Sóbis. 

“Ficamos tristes por não ter a oportunidade de não contar com Arrascaeta, mas cientes de que o clube tem jogadores para a posição. Estamos bem tranquilos. Mano tem total confiança em todos os jogadores, e o grupo também”, lamentou Fábio.

Outro mistério de Mano Menezes é no ataque. Ele não revelou se o argentino Barcos segue no time. Sassá, Raniel e Fred são as opções. 

Dúvida

No Corinthians, a preocupação de Jair Ventura está na lateral direita. Com uma fibrose na coxa esquerda, Fagner está em tratamento há duas semanas e é dúvida. O problema é que Jair Ventura não tem outro lateral de origem.

Ao longo da semana, o treinador fez alguns testes. O volante Mantuan e o zagueiro Pedro Henrique foram improvisados durante os treinos. O primeiro leva vantagem, já que foi usado na função nesta temporada. 

“Fagner é um jogador importante, que está há muito tempo no clube, vitorioso e experiente, o que conta muito nesses momentos. Se ele não estiver apto, temos confiança em quem entrar no lugar dele”, avaliou Cássio. 

Além de Fagner, o Corinthians não terá os volantes Douglas, suspenso, e Paulo Roberto, machucado. O paraguaio Romero foi liberado da seleção e vai para o jogo.

Correio

Rua Tiradentes, 30 – 4-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 - A Força da Comunicação.
© 2010 - RBR Notícias - Todos os direitos reservados.