Esportes

1 21/05/2018 10:10

A vida do Bahia no Brasileirão não está nada fácil. Com apenas um triunfo em seis partidas, o tricolor se afundou na zona de rebaixamento, em 18º lugar. Para piorar, o desempenho fora de casa tem deixado muito a desejar.

Contra o Palmeiras, no último sábado (19), no Allianz Parque, o tricolor chegou à terceira derrota nos três jogos que fez longe de Salvador este ano na Série A. Sob o comando de Guto Ferreira, inclusive, o Esquadrão não sabe o que é vencer fora de casa na primeira divisão.

Somando os jogos contra Botafogo e Vasco, nas primeiras rodadas do Brasileirão do ano passado, quando Guto ainda era o treinador, a campanha com ele é de cinco jogos e cinco derrotas. Desempenho que o treinador sabe que precisa melhorar. 

“Nos jogos fora de casa não temos conseguido repetir (o desempenho tido em casa), e é uma coisa a se melhorar. Mas a equipe teve coragem hoje”, analisou Guto logo após o duelo em São Paulo.

Além das derrotas, um outro agravante tem chamado a atenção quando o Bahia atua fora de seus domínios. O time ainda não conseguiu balançar as redes adversárias.

Pior, a equipe ainda sofreu sete gols em três jogos, o que deixa o tricolor com a quarta pior defesa do Brasileirão, com nove gols. Só Paraná (11), Vitória (11) e Ceará (10) foram mais vazados.

“Confio no nosso trabalho e vou seguir fazendo, seguir acreditando e buscando que a gente possa, através dos erros, amadurecer e conquistar bons resultados”, finalizou Guto.

Quarta-feira (23), o time recebe o Blooming, pela Copa Sul-Americana, às 21h45. Brasileirão só domingo (27), contra o Vasco. Os dois jogos serão na Fonte Nova.

Correio

Rua Tiradentes, 30 – 4-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 - A Força da Comunicação.
© 2010 - RBR Notícias - Todos os direitos reservados.